Mar

08

2015
O mundo segundo Mafalda
Postado por Isadora Ribeiro. Falando sobre Comportamento, Entretenimento, Fofuras

Mesmo que você não goste de ler quadrinhos, tenho certeza que conhece a Mafalda. Pelo menos uma vez na sua vida escolar, ela já apareceu em alguma prova de português ou história. Não tenho saudades da escola em si, mas tenho muitas saudades disso. Das tirinhas da Mafalda e de outros personagens que também amo mas que não convém falar aqui porque hoje o post é só pra ela (e ela merece).

001

Em seu aniversário de 50 anos, São Paulo resolveu homenagear Mafalda e seus amigos em uma exposição fofa demais que rolou no centro da cidade lá na Praça das Artes. Eu e a Mary fomos conferir de perto o último dia de exposição e se você gosta dela tanto quando a gente, tenho certeza que vai se encantar com o post de hoje.

002

003

A exposição era voltada principalmente para o público infantil e ao incentivo da criatividade dos pequenos. Em uma das alas, tinha a Oficina de Recursos Criativos em que as crianças podiam reconhecer como é a criação dos quadrinhos como uma forma de expressão. E é claro, elas podiam criar suas próprias tirinhas. E o mais legal é que para a construção dos quadrinhos, tinha carimbos com o desenho dos personagens que eles poderiam usar. Para ninguém ficar frustrado com um desenho irregular ou diferente e assim, focar no conteúdo das tirinhas mesmo (ou seja, na fala dos personagens). Eu amei isso!

006

007

Também foi feita uma réplica da casa da Mafalda (e muita fila pra entrar dentro dela) e do carro em que seus pais a levavam para passear.

004

005

019

Uma das minhas alas favoritas foi a dos mundos. Veja bem, Quino escreveu e desenhou os quadrinhos há 50 anos atrás e mesmo assim a situação dos mundos continua sendo aplicada até hoje. E é apresentado para as crianças de uma forma compreensível, visual e criativa. Fotografei alguns e vocês vão entender o que estou querendo dizer..

009

010

011

Outra parte fofa foram as réplicas em 3D. Achei a coisa mais fofa do mundo. Alguns objetos eram interativos como a vitrola que tocava músicas dos Beatles (amei) e o álbum de fotografias da família em que você podia tocar e rever as “fotos”.

012

013

014

Pra finalizar, foram criados dois cenários em que as pessoas poderiam criar seus próprios quadrinhos. Você escolhia seus personagens e podia deixar pregado no cenário. Você também podia escolher um balãozinho com falas já escritas e pregar lá também. Muito fofo!

015

Favor ligarem no modo “ironia”, ok?

016

017

Eu amo a Susanita gente. Ela pode ser toda fútil e metida mas ela é super fofa por dentro, tá?

018

Eu sei que não fui justa em postar a respeito da exposição sendo que ela já acabou e não tem mais como vocês visitarem. Mas foi meio que de última hora a minha própria ida e a minha ideia era justamente documentar para mostrar para aqueles que não puderam ir. Espero que tenham gostado e se sentido próximos da exposição pelo menos um pouquinho. Ah, e leiam Mafalda!

Me acompanhe também nas redes sociais: Facebook ♥ Twitter ♥ Instagram ♥ Skoob ♥ YoutubeGoodReads


Isadora Ribeiro
6





6 Comentários


Monique @ 09.03.2015

APAIXONADA por essa exposição e suas fotos dela. Queria morar em SP porque gente, só essa semana vi 3 exposições lindas contando com a sua sobre a malfada.
Fora essa, a do Leonardo da Vinci que não lembro exatamente onde esta acontecendo, também esta incrível. Não sei se você foi, mas ai ta minha dica haha.

http://www.leitecombiscoitos.com/


fernanda maciel @ 09.03.2015

Que graça as fotos, Isadora. Gostaria muito de ter ido à exposição, apesar de não conhecer muito sobre Mafalda.

Bjs, boa semana.


Caio @ 11.03.2015

Fiquei encantado com a exposição, tomara que venha para o RJ!


Mary @ 11.03.2015

Apenas muito amor essa exposição!
Eu adorei que ela era cheia de interatividade e bastante criativa na hora de representar o mundo da Mafalda. <3 E suas fotos ficaram lindas!


Babee @ 12.03.2015

Eu vi tanta gente tirando foto, mas nem sabia se era de fato uma exposição ou só algumas intervenções urbanas, agora quero visitar *-* Não sou grande fã da Mafalda, mas sei a importância da personagem, principalmente quando falamos dos assuntos que ela aborda e como são abordados, né? Pra mim ela nunca foi criança, ela é uma anã! HAHAHA

Isadora Ribeiro Reply:

Morri com o “anã” HAHAHAHA! Então, a expo acabou infelizmente.. =/